Aparelho Ortodôntico

O aparelho estético é mais uma das inovações tecnológicas na odontologia. Possuindo a mesma função de alinhamento e harmonia dos outros aparelhos, possui seu diferencial.

Assim como o próprio nome indica, o aparelho estético possui uma maior preocupação quanto a aparência do sorriso durante o tratamento.

Quer saber mais sobre o aparelho estético? Veja aqui tudo o que você precisa saber sobre esse tipo de aparelho ortodôntico, como funciona, suas vantagens e quanto custa:

O que aparelho estético?

Assim como os demais tipos de aparelho, o aparelho estético promove a movimentação dos dentes desalinhados, corrigindo a mordida da arcada dentária e devolvendo a harmonia do sorriso.

No entanto, além do alinhamento dos dentes e da correção de problemas com a má oclusão dentária, o aparelho estético consegue trazer uma série de outros benefícios, principalmente quanto à estética.

Os tipos de aparelho estético são uma alternativa aos modelos metálicos, principalmente ao aparelho fixo tradicional, sendo bem-vindo para quem não se adapta muito bem às borrachinhas e braquetes.

No entanto, assim como os demais modelos, os aparelhos estéticos possuem suas indicações específicas.

Por fim, o diferencial comum do aparelho estético é sua discrição ao sorriso, não se destacando e sendo uma solução para quem quer passar por um tratamento discreto e que não interfira significativamente em sua imagem.

No entanto, mesmo que o termo aparelho estético seja utilizado amplamente para caracterizar todos os modelos que possuam essa característica, no consultório o nome se aplica ao modelo composto por braquetes de coloração clara e que se camuflam na cor natural dos dentes. Por sua vez, variam quanto ao seu material, seja de cerâmica, safira ou policarbonato.

tipos de aparelhos estéticos

Quais são os tipos de aparelhos estéticos?

Como dito, o aparelho estético pode ser encontrado de diversas maneiras no mercado, cabendo ao dentista selecionar o melhor de acordo com cada caso. Conheça quais são eles:

Aparelho estético de policarbonato

O aparelho fixo estético feito de policarbonato foi uma das primeiras tentativas de associar o tratamento ortodôntico a uma perspectiva mais estética, possuindo bons resultados.

Os braquetes feitos em policarbonato não são muito volumosos e possuem uma coloração esbranquiçada e leitosa, permitindo que passem despercebidos na dentição. A única estrutura metálica visível é a canaleta, no entanto, ela também consegue ser discreta.

Contudo, a coloração dos aparelhos de policarbonato não possuem uma estabilidade de cor como os de porcelana, devendo o paciente ter ainda mais cuidado quanto a alimentação e higiene bucal. Também tendem a ser mais frágeis, devendo o cuidado quanto aos desgastes e posicionamento ser também redobrado. 

Aparelho de porcelana

O aparelho estético de porcelana é mais discreto do que o de porcelana, já que seus braquetes são menores, dificultando ainda mais a sua percepção em meio aos dentes.

Possuem uma coloração de característica leitosa tem uma melhor duração do que a de policarbonato, tendendo a durar por toda a sua vida útil. No entanto, os mesmos cuidados devem ser mantidos para a manutenção de seus benefícios.

Possuem uma resistência de destaque, se assemelhando a resistência do fixo tradicional. Ademais, outra vantagem do aparelho estético de porcelana é a diminuição do desconforto característico do tratamento ortodôntico, já que os movimentos são feitos de forma mais sutil. 

Por fim, é recomendado corrigir a maioria dos casos de desalinhamentos dentários, requerendo alguns cuidados a mais.

Aparelho de Safira

O aparelho ortodôntico de safira, assim como o de porcelana, é amplamente indicado para os mais variados casos de desalinhamento dentário. Também possui uma resistência consideravelmente superior à do policarbonato e porcelana, não soltando da arcada com facilidade, não quebrando ou se deslocando.

Quanto a sua coloração, os braquetes são translúcidos e quase totalmente imperceptíveis, mantendo a transparência até o final do tratamento. Dessa forma, são ainda mais discretos do que os outros tipos, além de serem menores ainda do que os de porcelana.

Essas características se devem ao fato dos braquetes serem feitos por meio de monocristais de safira, que possuem propriedades similares ao vidro.

Aparelho de Safira

Além disso, possuem uma força mais suave do que a de porcelana, oferecendo uma maior comodidade, e sua transparência não é comprometida com o passar do tempo.

Também aqui os cuidados com a higienização e com a alimentação devem ser mantidos, e caso se opte pela colocação das borrachinhas, é pelos bons hábitos que se evita que ela amarele com o tempo.

Aparelho autoligado ou autoligável

Se tratando de modelos livres de borrachinhas, o aparelho autoligado, possui como diferencial o benefício de seus fios do arco ortodôntico serem fixados diretamente em seus braquetes.

Entre suas principais vantagens estão: menor tempo de tratamento, mais facilidade na limpeza, maior movimentação dos dentes sem alteração de atrito, pouca percepção de suas ligas, que muitas vezes mancham com o tempo.

No entanto, o sistema autoligado não é específico dos modelos estéticos, podendo também ser usado nos modelos tradicionais.

Alinhadores transparentes ou invisíveis

Mudando totalmente o seu funcionamento, os alinhadores transparentes são ainda mais recentes no mercado e mantêm os benefícios estéticos pelo seu diferencial removível.

Dessa forma, por se tratar de um aparelho móvel, a principal qualidade do aparelho invisível é a sua praticidade, podendo ser retirado na hora de comer e de realizar a sua higienização e a do dente.

Com uma estrutura diferente, não possui braquetes nem borrachinhas. Se tratam de moldeiras de material plástico que são trocadas com o tempo pelo dentista.

Outro diferencial desse aparelho, é que pode ser usado como complemento ao tratamento com o fixo, já que é utilizado para o tratamento de problemas mais leves.

Como funciona o aparelho estético?

O funcionamento do aparelho estético é bem semelhante ao aparelho fixo metálico, já que a única diferença é a coloração estética de seus componentes.

No entanto, entre o conceito geral de aparelho estético também compreende modelos que possuem um funcionamento bem diferente do convencional, como é o caso do invisível.

Em suma, todos envolvem a movimentação dos dentes, e assim as manutenções feitas pelo dentista e que devem ser feitas de forma periódica.

Enquanto os fixos, apenas algumas peças são trocadas, o móvel deve ser trocado por inteiro, já que é um tipo de placa. 

A troca do aparelho invisível pode ser feita em casa, por meio de um jogo de placas feitas sob medida, sendo um mais apertado que outro, o que leva a movimentação dos dentes.

Essa troca deve ser em média de 7 a 14 dias, não dispensando a regularidade no consultório, uma vez que é o dentista que irá perceber se o tratamento está tendo o resultado esperado.

Qual o valor do aparelho estético

Qual o valor do aparelho estético?

O valor do aparelho estético tende a variar quanto a localidade, o dentista, de clínica em clínica, e ainda quanto a seus tipos e materiais. 

No entanto, em geral, por seus benefícios quanto a aparência, o preço final do tratamento tende a ser um pouco mais elevado do que o do aparelho fixo metálico tradicional.

O preço do aparelho estético de safira tende a ser o mais caro entre os fixos, tendo um preço médio de R$1.500 (mil e quinhentos reais) a R$2.000 (dois mil reais).

Em seguida vem o de porcelana, podendo custar de de R$500 (quinhentos reais) a R$1.000 (mil reais).

E por último, o mais em conta o de policarbonato com seu valor médio em R$500 (quinhentos reais) a R$800 (oitocentos reais), isso levando em conta as particularidades de cada um.

Quanto aos demais modelos, o preço do autoligado pode ir de R$600 (seiscentos reais) a R$1.000 (mil reais), enquanto o do aparelho móvel transparente pode ir de R$3.000 (três mil reais) chegando até R$17.000 (dezessete mil reais), tendo em vista a seus diversos de benefícios.

Quais os cuidados necessários quanto ao uso?

Seja qual for o tipo de tratamento ortodôntico, os cuidados e os bons hábitos devem ser mantidos na rotina, ainda mais se tratando dos fixos.

Primeiramente, para que o tratamento tenha sucesso é importante que a higiene bucal seja feita de forma correta.

Para que a higienização esteja em dia, não só a escovação, mas também a passagem do fio dental e o bochecho com o enxaguante bucal devem ser feitos diariamente.

A escovação deve ser feita com uma escova cabeça pequena e cerdas macias, com um creme dental com flúor.

Diante do uso do modelo fixo, instrumentos a mais podem facilitar a higienização, tal como escovas interdentais e passa-fio.

Quanto ao bochecho com o enxaguante, deve durar ao menos 30 segundos para um bom efeito.

Quanto a alimentação, evitar alimentos bem pigmentados (café, refrigerantes, chás, chocolates), muito açucarados (doces) e alimentos grudentos (balas de goma, chicletes e derivados de caramelo) ajuda na eficiência da higienização, prevenindo que resíduos sejam deixados sobre a dentição.

Alimentos duros, como algumas frutas, legumes, cereais e grãos, também precisam ser evitados, já que podem danificar a estrutura do aparelho.

No caso do aparelho móvel, a restrição é apenas aos muito pigmentados, pegajosos e com alto teor de açúcar, já que influenciam o acúmulo de restos de alimentos na arcada. A higienização do aparelho transparente pode ser feita com uma escova de cerdas macias separada e com água morna ou fria, já que a quente pode danificar o material. 

Qual o tempo de uso?

O tempo de uso do aparelho fixo é bastante variável, já que depende das observações feitas pelo dentista e das particularidades do caso, como sua gravidade.

O processo de tratamento ortodôntico com os aparelhos fixos tende a durar em média de 12 a 24 meses, podendo variar com o aparecimento de complicações em meio ao tratamento.

Dentre os possíveis fatores que podem interferir no tempo de tratamento estão o aparecimento de tártaros, cáries e doenças gengivais, decorrentes da má higienização e do acúmulo de placa bacteriana. 

Já os demais fatores estão a necessidade de extração, problemas hormonais, medicações, tipo de mecânica e a idade do paciente.

O aparelho autoligável também tende a durar de 12 a 24 anos, no entanto, vale ressaltar que cada situação é uma situação.

Já quanto ao aparelho pelo aparelho transparente ou invisível o tempo estimado se estende de 12 a 18 meses, já que os resultados tendem a ser um pouco mais lento do que o fixo. Contudo, os primeiros resultados já podem ser vistos na primeira semana.

Antes e depois do aparelho estético

Antes e depois do aparelho estético

O antes e depois do aparelho estético, assim como o tradicional, é capaz de trazer uma série de benefícios não só à aparência, mas à saúde bucal, mental e geral.

Pela correção da mordida, o paciente tem a sua autoestima e confiança renovada, refletindo assim na melhora de seus relacionamentos sociais e profissionais.

Além disso, é pela correção do problema de oclusão que as funções do sorriso também são restauradas, como a mastigação e fala.

Com isso, há a percepção de bem-estar e de uma melhor qualidade de vida.

Visitas regulares ao dentista

Principalmente diante dos tratamentos ortodônticos, as visitas ao dentista devem ser mantidas regulares para que a evolução seja observada de perto, tal como para que seja feita a manutenção e a ação preventiva necessária.

O profissional dentista capacitado para esse tipo de tratamento é o ortodontista, sendo ele o responsável pelo diagnóstico e a indicação do modelo ideal para o seu problema de oclusão.

Também cabe ao dentista efetuar a troca do aparelho quando necessário, podendo ainda alterar o tipo de tratamento.

É importante que além das visitas ao consultório, os bons hábitos sejam mantidos para um resultado final mais rápido e um processo ainda mais tranquilo. Assim sendo, há a prevenção de doenças bucais e a sua identificação precoce. 

Portanto, o plano odontológico DentalVidas tem diversas opções para garantir mais qualidade de vida e um sorriso mais bonito para você e sua família.

Veja aqui qual o plano odontológico DentalVidas mais combina com você!

Gostou do texto? Tem alguma dúvida? Deixe aqui nos comentários.

               
Artigo anterior

               
Próximo Artigo

Deixe seu comentário