Saúde Bucal

Higiene bucal é a principal solução para os principais problemas bucais. É somente por uma higiene bucal completa e eficiente que conseguimos manter o nosso sorriso harmônico e em bom estado.

Além dos danos que atingem a dentição, a higiene bucal também faz parte da ação preventiva de complicações que podem comprometer o organismo. Assim sendo um dos bons hábitos essenciais do dia-a-dia.

Saiba como realizar uma boa higiene bucal e evitar surpresas indesejadas. Boa leitura!

Atividades de higiene bucal na rotina

Saiba quais os cuidados você deve manter no dia-a-dia:

Uso diário do fio dental

O uso do fio dental muitas vezes é subestimado e deixado de lado na rotina. Entretanto, sua passagem é essencial para a manutenção da saúde bucal, já que retira os resíduos de alimentos que não são foram capazes de serem retirados pela escovação.

Desse modo, a passagem do fio dental deve ser diária e acompanhar uma das escovações. Com esse hábito, ao remover os restos entre os dentes e perto da gengiva, se previne a formação e as evoluções de placas bacterianas.

Uso diário do enxaguante bucal

Assim como o fio dental, muitas vezes se deixa de lado o uso do enxaguante bucal na hora da higienização, contudo, esse hábito é igualmente importante. É o enxaguante, o responsável por reduzir as manchas deixadas no esmalte do dente por alimentos e bebidas bem pigmentadas, como o café.

Os bochechos, quando diários, têm como efeito a redução da percepção dessas manchas e as evitam, uma vez que otimizam a limpeza bucal.

No entanto, a sua ausência no cotidiano favorece que a acidez dos alimentos danifique ainda mais a proteção dos dentes. Dessa forma, há a formação de cáries, halitose, e até mesmo a perda de parte da dentição.

Cuidados com a escovação

A escovação, mesmo que esteja presente no nosso dia-a-dia, muitas vezes não é feita da forma correta, perdendo assim os seus benefícios.

A escovação deve ser precisa e alcançar toda a arcada com os seus movimentos circulares. A escova deve ser trocada após 3 meses de uso e conter as cerdas macias, para não machucar a gengiva e perfurar o esmalte do dente. Com isso, se evita as dores e sintomas da sensibilidade.

Quanto ao creme dental, ele deve conter flúor, já que é esse componente que possui a função de eliminar as bactérias, prevenir a sua proliferação, fortalecendo o esmalte da arcada dentária.

O creme dental, por sua vez, pode conter benefícios adicionais, como branqueamento, redução da sensibilidade e controle do tártaro.

Higiene bucal noturna

Durante a noite, a higienização deve ser ainda mais considerável. Dormir sem realizá-la não é uma opção, já que é durante a noite de sono que a boca se torna um local ainda mais acessível a ação de bactérias nocivas, que é quando a salivação diminui.

Portanto, para evitar a incidência de cáries e demais doenças, escove bem os dentes, a língua, e previra esse horário para fazer o uso do fio dental e do enxaguante.

kit higiene bucal
Mulher usando fio dental.

Kit higiene bucal

A higienização do dente é extremamente importante para a manutenção de uma boa estética do sorriso e evitar eventuais complicações.

É essencial para a melhora da saúde bucal, que além de uma higienização precisa e completa, se saiba escolher os produtos utilizados durante a limpeza, realizando as suas fases gradativamente. Veja como efetuar a escolha desses produtos:

Escova de dente

A escolha da escova de dente pode ser bastante difícil, uma vez que esse produto está disponível de diversas formas, estilos e com diferentes propriedades no mercado.

Um grande número de dentistas indica as escovas com cerdas macias, afirmando a sua maior eficiência na remoção da placa bacteriana e restos de alimentos.

Outra recomendação é que as escovas tenham cabeças menores, uma vez que podem alcançar mais completamente as áreas da boca, executando uma limpeza próxima da totalidade.

 A seleção do estilo e proporção ideal devem ser de acordo com suas necessidades e da forma que te deixa confortável. A melhor escolha da escova de dente é a que melhor se encaixa em sua boca e que consegue entrar em contato com toda a arcada dentária com facilidade.

É necessário realizar a substituição da escova de dente quando se perceber uma maior deterioração ou em um período determinado de três meses. O estilo de escova de dente que as crianças usam também possui restrições. As escovas devem possuir cerdas de nylon macias e que seja capaz de atingir toda a superfície dos dentes.

As escovas elétricas são capazes de retirar ainda mais precisamente as placas da dentição do que as escovas comuns, e são especialmente recomendadas a pacientes que possuem debilidades motoras.

Cremes dentais

Os cremes dentais para atingirem o efeito de limpeza necessário devem conter em sua consistência o flúor, componente que auxilia o fortalecimento do esmalte. É importante que o tipo ideal seja indicado pelo seu odontologista, tendo em vista as particularidades de sua dentição.

Assim como a escova de dente, o creme dental também possui várias formas, podendo ter a finalidade de branquear os dentes e até mesmo com a composição especializada para dentes sensíveis. É importante que o flúor esteja contido até mesmo no creme dental das crianças.

Fio dental e enxaguante bucal

O fio dental é o que faz a limpeza da arcada dentária ficar completa, atuando na área que a escovação não consegue alcançar, entre os dentes. Também é um produto que está disponível em uma variedade de formas, sabores e consistência.

Caso você possua dificuldade para realizar sua passagem, compre um passa-fio. É recomendado que a passagem do fio dental seja após as refeições, juntamente com a escovação, porém, pode ser feita ao final do dia, assim como o enxaguante bucal.

O enxaguante bucal, assim como o creme dental deve conter o flúor e atua no fortalecimento dos dentes, na prevenção contra a cárie e no frescor do hálito. Esses dois produtos vão se limitar apenas à preferência de marcas, já que todos possuem as mesmas propriedades.

Na persistência de dúvidas quanto a que tipo de produto comprar, converse com o seu dentista.

Higiene bucal e educação infantil

Mesmo que todos os dentes não tenham nascido, os cuidados quanto à saúde bucal começam desde as suas primeiras formações.

Segundo a nova orientação da Associação Brasileira de Odontopediatria, a higiene bucal deve se iniciar quando o primeiro dente começar a aparecer. Dado que, no recém-nascido o leite materno é uma proteção à boca.

O primeiro dente pode aparecer entre os 4 e os 9 meses de idade e a sua escovação requer uma escova de cerdas macias e apropriada, com cabo alongado e cabeça pequena.

É necessário executar a escovação ao menos 2 vezes por dia, e a pasta de dente precisa ser do tamanho de um grão de arroz cru. Se feita de modo inadequado, a má escovação pode influenciar o desenvolvimento da placa bacteriana e de complicações na gengiva.

Para motivar os bons hábitos de higiene bucal na infância, é necessário que os pais acompanhem a criança em todo o processo, sendo modelo, e evitando que ela ingira creme dental.

Dieta saudável e equilibrada

Uma boa alimentação também está relacionada com a saúde bucal. Isso se deve ao fato de que são os alimentos açucarados e ricos em amido as principais causas da formação das placas bacterianas e cáries, já que “grudam” facilmente na arcada.

Logo, não deixe de realizar a escovação entre os intervalos das refeições e beba muita água para que as impurezas possam se desgarrar.

Priorize uma dieta que tenha base em alimentos saudáveis e nutritivos, que são capazes de fortalecer o organismo, e assim, a estrutura dentária.

Visita periódica ao dentista

Os bons hábitos e a higienização correta e completa dessa região são capazes de barrar e prevenir que essas complicações ocorram. Assim como as visitas regulares ao dentista também fazem parte de uma ação preventiva eficiente.

As visitas ao dentista são extremamente importantes, já que fazem possível que o profissional identifique possíveis danos que possam comprometer a saúde bucal em sua fase inicial, impedindo que se evoluam.

Com esse diagnóstico e avaliação geral, o dentista também poderá identificar a necessidade da realização de algum procedimento. Tratamentos, como a profilaxia, a limpeza profissional, devem ser regulares, no caso do exemplo a cada 6 meses.

Contanto, o plano odontológico DentalVidas tem diversas opções para garantir mais qualidade de vida para você e sua família.

Gostou do texto? Tem alguma dúvida? Deixe aqui nos comentários!

Deixe seu comentário