Doenças

A língua rachada é um dos problemas que atingem a zona bucal e que pode causar certo alarde no paciente por conta de seu impacto estético.

Conheça aqui quais são os sinais da condição, quais são as suas possíveis causas e suas formas de tratamento:

O que é língua rachada?

A língua rachada, também chamada de língua escrotal ou formalmente como língua fissurada, se trata de uma alteração benigna caracterizada pela presença de fissuras e cortes na língua.

O desenvolvimento dessa condição não possui causa específica, o que faz com que o seu tratamento envolva cuidados que prezam não só pela saúde bucal, mas também geral.

É por meio desses cuidados que se consegue evitar que a condição possibilite a evolução de outras anomalias. Isso considerando que as fendas na língua permitem que ela seja suscetível ao acúmulo de resíduos, e assim de microrganismos, como o fungo Candida albicans.

Na falta de complicações relacionadas, o problema não é perigoso e nem contagioso.

Pesquisas apontam que a língua rachada é mais apto em pessoas de idade mais avançada, além de ser mais comum em homens do que mulheres.

linguas rachadas

Quais são os sintomas da língua rachada?

Na maioria das vezes, a língua rachada não é acompanhada de algum sintoma.

Contudo, considerando as condições nas quais as rachaduras na língua estão expostas, elas podem estar acompanhadas de outros sintomas, o que deve ajudar no diagnóstico do problema pelo paciente e dentista.

As ranhuras e desenhos na língua, podem estar ligadas à queimação, o que está frequentemente associado ao consumo de alimentos e bebidas ácidas.

Também considerando as possíveis associações, é possível que o aparecimento de outros sintomas, como ardência, dores leves e halitose (mau hálito), causado pela má escovação.

Considerando o sintoma principal do problema, as fendas na língua podem assumir diversas profundidades, cerca de 2 a 6 mm e podendo ter seções distintas. Dessa forma, há apenas um sulco descendo pelo centro da língua.

É normal que as dores sentidas também estejam associadas à má higiene bucal, ao uso de certos medicamentos e ao refluxo gastroesofágico.

Quais são as causas da língua rachada?

Como dito, a língua rachada não possui uma causa específica, entretanto, ela pode estar associada a predisposição genética. Assim sendo, à medida que a pessoa se desenvolve, a tendência é que as fissuras fiquem mais expressivas.

Além disso, mesmo que as fissuras na língua não possuam uma causa principal, pessoas com algumas condições e complicações de saúde possam ser mais suscetíveis, como Síndrome de Down, Síndrome de Sjögren, Síndrome Melkersson-Rosenthal, psoríase e acromegalia.

Pessoas que possuem língua geográfica também tendem a ser mais afetadas pela língua rachada, já que por deixar as papilas gustativas, também sofrem com as rachaduras na língua.

A língua escrotal também pode ser um indicativo de doenças como candidíase oral e sapinho. Aliás, pode sinalizar problemas como falta de vitaminas e minerais que comprometam a estrutura do músculo.

As lesões na língua podem ser decorrentes das ações de vermes, considerando aqueles que comprometem na quantidade de ferro, acabando por levar a anemia e a danos na língua.

Doenças do trato gastrointestinal também podem ter sintomas e afetar a aparência da língua. Por meio de doenças como colite, gastrite e pancreatite pode ocorrer a má absorção de nutrientes e a degeneração da mucosa dos órgãos afetados.

Em decorrência, as rachaduras na língua são um dos primeiros sintomas dessas patologias, devendo o paciente visitar um gastroenterologista além do dentista.

Por fim, entre outras possíveis causas podem-se citar alergias alimentares, tabagismo, estresse, ansiedade e bruxismo.

Língua rachada e saúde, como pode está associada?

Como visto, a língua fissurada pode estar associada a alguns problemas de saúde. Veja como ela está relacionada a eles:

Diabetes

Os diabetes são uma das doenças que podem levar ao aparecimento dessas marcas ou ranhuras, considerando ainda que a pele apresenta uma maior sensibilidade a certos alimentos.

Doenças do trato gastrointestinal

As fendas da língua também podem ser causadas por doenças do trato gastrointestinal, considerando o ácido e vapores liberados por ele, que podem voltar do estômago para as partes mais altas do sistema digestivo e causar a erosão.

Síndrome de Melkersson-Rosenthal

É uma condição rara marcada por rachaduras ou fissuras na língua. Contudo, também pode ser identificada pelo inchaço facial ou labial. Comumente, acaba por aparecer durante a infância ou início da adolescência, podendo a alteração continuar e torna-se um problema permanente.

Deficiências vitamínicas

A desnutrição, mesmo que em casos mais raros, pode causar rachaduras na língua. Entre as principais deficiências que a vitamina B12 pode está associada a deficiência a zinco, ferro e vitaminas do complexo B.

como tratar a língua rachada

Afinal, como tratar a língua rachada?

A língua fissurada normalmente não requer tratamento, uma vez que normalmente não está acompanhada de sintomas além da estética.

Contudo, com alguns cuidados o problema pode ser minimizado ou tratado, dependendo de sua causa relacionada.

Veja quais são as principais formas de abordagem:

Mudança na dieta

Caso a causa das rachaduras seja a falta de vitaminas, a mudança na dieta alimentar é essencial, além da realização de um acompanhamento profissional por meio de exames de sangue.

É por meio dos exames que é possível detectar o tipo de deficiência nutricional, a suprindo por uma alimentação mais saudável e balanceada.

Evitar ingerir alimentos ácidos e apimentados também está entre os principais cuidados quanto a alimentação. Priorize alimentos como frutas, verduras, legumes, carnes magras e alimentos integrais. Alimentos processados também devem ser evitados já que não carregam a quantidade de nutrientes necessária.

Uso de medicamentos

O uso de medicamentos específicos também podem ser indicados para aquelas pessoas que possuem causas não genéticas da língua fissurada (quadros agudos).

Já que nessas circunstâncias o problema está relacionado a alergias ou fatores psicológicos, os medicamentos atuam o amenizando.

Os remédios também poderão atuar no tratamento de infecções ou inflamações já instaladas na língua e na regulagem do fluxo salivar.

Cuidados com a saúde

Como visto, a língua escrotal está frequentemente associada a problemas de saúde. Por isso, prezar pelo bem-estar e qualidade de vida estão entre as suas medidas preventivas e de tratamento.

Logo, é muito importante manter o acompanhamento médico em dia, principalmente diante de desequilíbrios orgânicos.

Não fumar

Considerando que o cigarro é um dos principais vilões da saúde bucal, a abstinência do cigarro é um fator importante para manter a boca livre de complicações.

Vale levar em conta que o cigarro provoca o ressecamento das mucosas bucais, além de afetar o pH da saliva e o fluxo salivar. Assim sendo, há o comprometimento das características naturais da língua e o aparecimento dos desenhos característicos.

Boa higiene bucal

Boa higiene bucal

Também é por meio de uma higiene bucal adequada que se é possível se ver livre de problemas que afetam não só os dentes e a mucosa, mas também a língua.

Assim sendo, procure pela avaliação regular do dentista e por suas orientações para manter a boa higiene bucal.

Para quem sofre com rachaduras na língua, a escovação adequada da área é essencial para evitar acúmulo de resíduos nas rachaduras, evitando inflamações, infecções e problemas de mau hálito. Dessa forma, se evita ainda que bactérias acumuladas, venham a migrar para outras partes da boca, para o dente e gengiva.

Para a higienização e remoção de detritos opte por uma escova de cerdas macias e o auxílio de um raspador de língua. Lavagens com desinfetantes específicos também podem ser indicadas.

O uso do raspador de língua deve acompanhar as escovações, assim, deve ser feito ao menos 2 vezes ao dia. O uso do fio dental e o bochecho com o antisséptico bucal também não devem ser ignorados, devendo acompanhar ao menos uma das escovações diárias.

Visitas regulares ao dentista

Assim como os cuidados com a saúde bucal, as visitas regulares ao consultório odontológico são igualmente importantes, uma vez que é somente pela avaliação do dentista que problemas bucais são identificados em sua fase inicial.

Diante da língua rachada, a visita ao odontologista será decisiva e significativa para rejeitar sua relação com qualquer problema grave.

Só assim, sob o acompanhamento odontológico, você preservará o bom estado de sua zona bucal e impedirá que distúrbios, dessa vez nocivos, se desenvolvam.

Portanto, o plano odontológico DentalVidas tem diversas opções para garantir mais qualidade de vida e um sorriso mais bonito para você e sua família.

Gostou do texto? Tem alguma dúvida? Deixe aqui nos comentários!

               
Artigo anterior

               
Próximo Artigo

Deixe seu comentário