Saúde Bucal

Problemas bucais podem ser definidos como qualquer distúrbio que prejudique a sua saúde bucal, ou seja, doenças, disfunções, entre outros

A partir disso, é possível que alguns problemas bucais apareçam com mais frequência que outros. Dessa forma, é preciso identificar o que os causa, como evitar e tratar.

Portanto, confira aqui os principais problemas bucais que tem a capacidade de danificar a saúde bucal em um guia completo. Tenha uma boa leitura.

problemas bucais causas
A falta da escovação, que é uma das principais formas de se evitar problemas bucais.

Problemas bucais, principais causas

De modo geral, a má higiene bucal ou a ausência de cuidados bucais são os principais motivos para que haja a presença de problemas bucais.

Isso porque quando não há a presença de limpeza, por exemplo, é possível que haja uma proliferação de bactéria, que por sua vez, são possíveis de causar infecções, doenças, entre outras.

Por causa da boca humana também ser um local propício a bactérias, é possível que outras bactérias, além das naturais do corpo, possam aparecer e também.

Quando as bactérias não são identificadas e nem tratadas, a longo prazo, é possível que elas evoluam e migrem para outras partes do corpo, como é o caso da endocardite, infecção bacteriana que ataca o coração e leva a morte.

Problemas bucais tem relação com doenças?

A resposta para esta pergunta é sim! A presença de bactérias que não são naturais da boca, trazem infecções que podem causar ou complicar doenças que já estão presentes na boca.

Diante disso, há estudos que mostram que a maioria das infecções que surgem na boca são recorrentes de má higiene bucal.

Dos dados coletados no estudo, foi informado que processo inflamatório incluir numerosos grupos de doenças, entre elas: artrite reumatoide, resistência à insulina, Alzheimer, alguns tipos de câncer, problemas respiratórios e até mesmo disfunção erétil.

Quais problemas bucais são causados pela má higienização?

Segundo a Associação Brasileira de Odontologia, menos de 22% de adultos têm as gengivas totalmente saudáveis, o que é considerado muito pouco.

Neste mesmo estudo é apresentado que mais de 90% da população mundial sofre de algum tipo de problema bucal, indo desde cáries até doenças periodontais.

A partir disso, conheça mais sobre os problemas bucais mais comuns de aparecer!

Problemas bucais

Quando o assunto é doenças, a dica é sempre procurar um profissional especializado para avaliar seu cargo. Por isso, evite dúvidas e conheça os principais problemas bucais abaixo:

Mau hálito – Halitose

Mais comum do que se pode imaginar, o mau hálito, também conhecido por halitose.

Quando este problema aparece, é sinal que há algo de errado com seu corpo, podendo indicar que também há problemas intestinais.

No entanto, fatores como a produção de pouca saliva, feridas cirúrgicas que não curaram e a má higiene bucal, favorecem este tipo de problema bucal.

Gengivite

A gengivite, diferente de outros problemas bucais, é a que mais apresenta sintomas visíveis, o que facilita na identificação do problema.

Dos sintomas, destaca-se: as gengivas inchadas, retraídas e, mas também há casos, mais sensíveis e que apresenta sangramento em qualquer tipo de contato.

Apesar da visibilidade, seus sintomas são negligenciados por grande parte de pessoas diagnosticadas com o problema.

No entanto, quando o diagnóstico é tardio, é possível que o problema se estenda para ligamentos e ossos que dão suporte aos dentes, de forma que resulta na perda espontânea de dentes.

Cárie

É o problema bucal mais recorrente em pacientes do consultório dentista. Trata-se de uma lesão causada por bactéria, por causa do ácido que esses microrganismos produzem em que ataca e dissolve o esmalte dentário.

Sendo assim, quando não ela não é tratada, ela destrói nervos do dente e também infecciona a raiz e a polpa. Logo, é preciso que um tratamento seja iniciado para garantir que o dente seja salvo ou até mesmo que haja um tratamento evitar que os outros dentes se comprometam.

Câncer bucal

Também conhecido como câncer oral ou câncer de boca, é causado por tumores malignos que surgem na boca e também na garganta, além de haver a possibilidade de se desenvolver nos lábios, língua, céu da boca, gengiva, amigdala e glândulas salivares.

Um fator negativo para este tipo de problema é o que seus sintomas se manifestam como feridas ao redor da boca, inchaços, caroços, sangramentos, dormência, entre outros.

Dessa forma, é possível que até ele ser diagnosticado, o paciente acredite que está com outro tipo de problema bucal, por isso, procure sempre um profissional, porque é ele que precisará tratar o problema.

Há também dores na garganta, por isso, se este sintoma persistir, e a presença de manchas esbranquiçadas ou avermelhadas na garganta, na parte interna da boca ou do lábio, busque por ajuda profissional.

Tártaro

Esse problema acontece quando resto dos alimentos fica nos dentes e cria-se uma “película” branca, conhecida como placa bacteriana.

Ela é a formação inicial do tártaro e por sua causa é capaz que surja má higiene bucal.

Diante disso, esse tipo de problema bucal é caracterizado por uma mancha amarela ou até amarronzada na parte inferior dos dentes.

De modo que quando chega nesse estágio, essas bactérias evoluem para as doenças periodontais, que afetam o suporte dos dentes, o ligamento e a gengiva.

Aftas ou úlceras bucais

Já este problema bucal, tem seu surgimento ligado a doenças como herpes, leucoplasias e candidíase, que também apresentam sintomas semelhantes.

Dos sintomas, destaca-se: ardor ou um tipo de queimação na região afetada. A partir disso, se houver uma grande quantidade de aftas é possível dificultar na hora de engolir alimentos ou líquidos, especialmente os mais ácidos.

Bruxismo

Conhecido por um ranger de dentes, é um problema bucal que aparece quando se aperta os dentes e ocorre um ranger dos demais.

É mais comum durante a noite, principalmente na hora de dormir, durante o sono, que faz com que haja um desgaste intenso do esmalte e da dentina.

A pressão que é feita sob os dentes, faz com que apareça fraturas nos dentes e dores de cabeça e nas articulações.

Não se pode esquecer de que o bruxismo também está associado ao estresse emocional.

problemas bucais como prevenir
Dentista ensinando como escovar os dentes, que é uma forma de prevenir problemas bucais.

Problemas bucais, como prevenir?

Ter uma rotina de cuidados bucais é essencial para garantir uma boa saúde bucal. No entanto, para que isso aconteça, é preciso ter um atendimento especializado, ou seja, contar um time de profissionais dispostos a te atender e resolver o problema.

Por isso, o ideal é que escove os dentes 3 vezes ao dia, pelo menos, de maneira que também escove a língua, bochecha e gengivas, e também use o fio dental.

Há outras opções a serem feitas, como cuidar da alimentação, evitar hábitos nocivos, por exemplo, o de fumar e altos níveis de estresse.

Fazer isso, previne diversos problemas, porém, não é o suficiente. Por fim, realize visitas periódicas ao dentista, de modo que garanta mais qualidade de vida para você.

Para ajudar nisso, consulte nossos planos odontológicos DentalVidas e garanta qualidade e saúde para você e sua família.

Gostou do texto, tem alguma dúvida, sugestão ou crítica, deixe abaixo nos comentários!

 

               
Artigo anterior

Deixe seu comentário